Protesto: Manifestantes repetiam constantemente “Lula ladrão, seu lugar é na prisão”

0

Na noite da quarta-feira (16) em vários estados do Brasil ocorreram manifestações e panelaços contra a presidente Dilma Rousseff (PT) e contra a posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como ministro-chefe da Casa Civil.

Em Brasília, a manifestação se concentrou na Praça dos Três Poderes em frente ao Palácio do Planalto e depois em frente ao Congresso. A presidente se mostrou indiferente e afirmou: “Os gritos que vem de fora, não me farão renunciar”.

Os manifestantes que se encontravam em Brasília, gritavam frases de descontentamento contra Lula: “Lula ladrão, seu lugar é na prisão”. As manifestações continuaram em várias cidades do Brasil, demonstrando que o povo não vai desistir, enquanto o PT não sair do poder.

 

Sobre o autor

Comente