ONU Mulheres condena violência sexista praticada contra Dilma

0

A ONU Mulheres Brasil divulgou nota condenando a violência de ordem sexista que vem sendo praticada contra a presidenta Dilma Rousseff.

O texto lembra que nenhuma discordância política ou protesto pode justificar a banalização da violência de gênero.

Dilma é a primeira mulher a assumir a Presidência do Brasil mas, por questões políticas, têm sido vítima de xingamentos sexistas, que depreciam a figura da presidenta como mulher.

A nota é assinada pela representante da ONU Mulheres Brasil, Nadine Gasman, e afirma que a organização observa com preocupação o contexto político brasileiro.

O comunicado pede proteção ao Estado Democrático e de Direito e destaca que eliminar as desigualdades de gênero e raça é determinante para construir uma sociedade mais inclusiva.

Fonte: Agência Brasil

 

 

Sobre o autor

Comente