Absurdo: Câmara Municipal do Sertão extrapola na compra de água mineral. Cada vereador estaria consumindo 24 litros por sessão. É só para beber mesmo?

0

A Câmara Municipal de São José de Espinharas, sertão da Paraíba, teria gasto em três meses o equivalente a R$790 em garrafões de água mineral. Um gasto absurdo levando em consideração a crise econômica que o país vem enfrentando.

Segundo informações do Tribunal de Contas, cada garrafão custa em média o valor de R$6,00 e teriam sidos utilizados 131 garrafões de 20 litros no período de 3 meses o que equivale a 1 garrafão consumido por cada vereador em menos de 2 horas. Este gasto equivale a 2.633 litros de água utilizados durantes as sessões que acontecem na Câmara, somando onze botijões de água usados durante as reuniões para apenas 9 vereadores.

O ser humano gasta apenas 12 litros de água para tomar banho, enquanto que vereadores estariam consumindo 20 litros de água em menos de 2 horas de reunião. Em uma pesquisa feita pela ONU ficou constatado que o ser humano pode viver com 110 litros de água por dia.

Veja também:Direito de resposta:A presidente da Câmara Municipal de São José de Espinharas esclarece gastos indevidos com água

O que gastamos em 24 horas, os parlamentares estariam gastando em 10 horas. Uma falta de respeito para com o povo. Tanto gasto em consumo de água que poderia ser usado em beneficio do cidadão, já que o povo paga tantos impostos. Ficou claro para qual fim o dinheiro do povo está sendo usando. O cidadão está pagando até para os vereadores escovarem os seus dentes.

A denuncia é baseada nas informações cedidas pelo SAGRES do Tribunal de Contas, veículo fiscalizador do dinheiro público. O valor de R$790, teria sido pago apenas a um revendedor.

CAMARA DE S J DE ESPINHARAS 1CAMARA DE S J DE ESPINHARAS 2

 

Redação

Sobre o autor

Comente