O que tem em comum: Nabor, o cú e o cabelo

0

A situação do Deputado Nabor Wanderley não está nada boa, e quem tem dito isso são os próprios aliados nas calçadas da cidade de Patos.Usando um termo bem popular quando uma pessoa está em uma situação complicada, aliados de Naborzinho andam dizendo que ele está com “o cú que não cabe um cabelo” de tanta preocupação com suas contas que faltam ser apreciadas pelos vereadores da Câmara Municipal de Patos referente ao seu exercício quando prefeito.

Recentemente Naborzinho desencadeou uma caçada as bruxas contra a vereadora Tide Eduardo (PMDB) depois que ela decidiu se aliar ao prefeito Dinaldinho abandonando o bloco da oposição. Naborzinho chegou a declarar que levaria o caso ao partido para pedir o mandato da vereadora por infidelidade partidária. Em resposta a Nabor, o ex-vereador Marcos Eduardo, esposo da Vereadora Tide teria mandado um recado e dado o tom do embate ” avise a Naborzinho que Tide está esperando a hora de apreciar as contas dele e que 2018 está chegando”. Para um bom entendedor o recado foi bem dado, o recado chegou, porque depois disso Naborzinho recuou e nunca mais nesse assunto falou.

Com minoria na Câmara e tendo um voto a menos com o de Tide a situação complicaria ainda mais a vida do deputado correndo risco de ficar inelegível e impedido de disputar a reeleição para deputado estadual em 2018, com isso, ele teria orientado o partido a parar com qualquer ação contra Tide. Porém, o que garante após a votação das contas Naborzinho não mexeria os pausinhos para o processo de pedido de cassação contra Tide voltasse a se movimentar.

 

Sobre o autor

Comente