Compartilhe

Em Patos: Presidente da Câmara Municipal, Vereador Sales Junior, fura poço artesiano e manda cortar água da CAGEPA

Em meio as dificuldades financeiras com um custo em média de R$ 1.400,00 (Hum Mil e Quatrocentos Reais) mensal com consumo de água da CAGEPA, o presidente daquele poder, Vereador Sales Junior, decidiu furar um poço artesiano e eliminar essa despesa da folha de pagamento.

Sales, comemorou o feito e garantiu que quando existe planejamento é possível equilibrar qualquer órgão público. Com a perfuração do poço, a Câmara Municipal passou a ter uma economia de quase 17 Mil Reais por ano.

Após a perfuração do poço e com uma vazão de água que ultrapassa 5 mil litros por hora, Sales determinou o cancelamento do serviço da CAGEPA, eliminando assim uma despesa no orçamento.

“Acreditamos que o planejamento é uma das ferramentas que adotamos logo quando assumimos, e por conta disso conseguimos também ampliar a informatização nos setores administrativos da Câmara, reformar o plenário Edivaldo Motta, conceder um aumento de 10% aos servidores, implantar a insalubridade e adquirir os EPI’s para todos os auxiliares de serviços, os prestadores de serviços e fornecedores pagamos a todos, sempre respeitando os limites prudenciais da Lei de Responsabilidades Fiscais. Repassamos religiosamente mês a mês as obrigações patronais e previdenciárias de todos os servidores, garantimos antecipadamente o pagamento do 13* salário de todos os servidores da Câmara, realizamos o projeto AÇÃO CIDADÃ com mais de 100 atendimentos a pessoas que necessitavam de um auxílio jurídico, mas que não tinham condições de pagar um advogado, em fim...

Foram muitas as conquistas durante o primeiro biênio, e tudo isso culminou com a aprovação das nossas contas por unanimidade.” Disse Sales.

Agora, para o segundo biênio, vamos continuar no mesmo ritmo, pois a responsabilidade é ainda maior.

 

« Voltar

Entretenimento

Record explica veto de Geraldo Luís no Programa Silvio Santos: "Foi troco"

Política

Ciro Gomes: ‘Capital político de Bolsonaro não dura seis meses’

Entretenimento

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 12 milhões no próximo sorteio