Compartilhe

Em reunião remota com o secretário de saúde, Dr. Érico pede a instalação de um Hospital de Campanha no estacionamento do HRP

A reunião remota com os deputados estaduais, aconteceu na manhã desta quarta-feira,13, e contou com a participação do secretário de saúde da Paraíba, Dr. Geraldo Medeiros, que respondeu aos questionamentos e pleitos por parte dos deputados.

No uso da fala, o Presidente da Comissão de saúde da Assembleia Legislativa, Dr. Érico, pediu em caráter de urgência, a instalação de um Hospital Solidário em Patos, e ainda sugeriu que o equipamento seja instalado nas dependências do Hospital Regional Janduhy Carneiro, onde funciona o estacionamento. Para o deputado, a situação em que Patos se encontra, com aumento exponencial de casos da COVID-19, é totalmente diferente da situação que vivíamos meses atrás, quando foi pedido ao Governo do Estado a instalação do Hospital de Campanha, para Patos. Já que a assembleia tá destinando o valor de R$ 2.000.000 (dois milhões de reais) para o governo do Estado usar no enfrentamento ao coronavírus, peço a sensibilidade do secretário, para que seja instalado, em caráter de urgência, um Hospital Solidário no estacionamento do Hospital Regional, promovendo um ambiente mais salubre e dando uma melhor condição de trabalho para os profissionais que estão no combate, tendo em vista que dentro do Hospital o fluxo tá muito extenso e o sertão já merece esse hospital solidário”, comentou o deputado.

 

« Voltar

Policial

NOMEAÇÃO: Bolsonaro define novo superintendente da Polícia Federal e equipe na Paraíba

Política

João Azevêdo anuncia abertura de mais 30 leitos de UTI na Grande João Pessoa, Campina Grande e Sertão

Política

Estado paga servidores nesta quinta e sexta

Política

‘Live’: João Azevêdo volta a defender isolamento e pede apoio da população

Política

Barroso assume TSE e cobra atenção a ‘milícias digitais’ nas eleições

Política

Recursos de emendas do Senador Veneziano(PSB) chegam a 90% dos municípios paraibanos, só para saúde foram R$ 32,8 milhões

Política

“Meu pai foi cremado na HORA DA MISERICÓRDIA” escreve Dinaldinho em seu twitter

Política

“Dinaldo será cremado e após passar a pandemia família realizará o sepultamento “diz Dinaldinho via twitter